A TUA RÁDIO NO SUL

JÁ TOCOU
 
A TOCAR
 
VAI TOCAR
 
MOCHILA — Festival de Teatro para Crianças e Jovens começa esta quinta-feira, em Faro

Data

A 2ª edição do MOCHILA realiza-se em Faro, de 3 a 12 de novembro, e integra projetos de teatro, música, novo circo e performance, pela mão de criadores nacionais de referência e companhias emergentes.

 

O MOCHILA — Festival de Teatro para Crianças e Jovens, organizado pela companhia LAMA Teatro, regressa a Faro para a sua 2ª edição, já a partir desta quinta-feira. De 3 a 12 de novembro, o Festival apresenta uma programação composta por espetáculos e atividades de teatro, música, novo circo e performance. Para além disso, vão decorrer oficinas, conversas e exibições de filmes, num total de 18 propostas, que vão acontecer, não só em espaços culturais da cidade como em espaços ao ar livre.

A edição deste ano do MOCHILA começa no Teatro Lethes, com o espetáculo O valor das pequenas coisas, uma criação LAMA Teatro, sobre o primeiro confronto de um rapaz abastado com outras formas de ver o Mundo. A 4 de novembro, Rita Rodrigues apresenta, na Ilha da Culatra, Em busca de um neto, um espetáculo que trata o tema da solidão.

O Espaço Quintalão recebe também no dia 4 de novembro, Histórias Suspensas, uma proposta de novo circo da Radar 360º, com direção da coreógrafa Joana Providência; e a 5 de novembro À Babuja, uma criação LAMA Teatro, e T0+1 – Um espetáculo entre 4 paredes e sobre 3 rodas, espetáculo de novo circo de Thorsten Grütjen (Tosta Mista).

No espaço do DeVIR CAPa, o Teatro Praga apresenta, a 5 de novembro, MACBAD, uma verdadeira incursão pela “peça maldita” de William Shakespeare. A 6 de novembro, a Companhia de Actores leva à cena, Auditório do IPDJ, Xamamã, uma criação para todas as idades; no mesmo dia, no Jardim da Alameda João de Deus, será possível assistir a Australopiteco, espetáculo da companhia Universo Paralelo que aborda o tema da diferença.

A 9 de novembro, a personagem Manuela arranca com A Grande corrida, numa criação de Catarina Requeijo. Também neste dia, e até 10 de novembro, João de Brito (LAMA Teatro) coordena PUZZLE, um espetáculo criado com a Comunidade Algarvia e que se apresenta na Biblioteca Municipal de Faro.

A encerrar o Festival, duas propostas musicais e uma de novo circo — a 11 de novembro, no Teatro das Figuras, um concerto dos Mão Verde, projeto de Capicua, Pedro Geraldes, Francisca Cortesão e António Serginho; já a 12 de novembro, será possível assistir a Concerto para uma árvore, de Fernando Mota, que se apresenta no Jardim da Alameda João de Deus, e a Une partie de soi, espetáculo de novo circo de João Paulo Santos, que terá lugar no Largo da Pontinha.

O Festival MOCHILA vai ainda contar com a performance Gang das Mochilas, em vários locais de Faro. De 3 a 10 de novembro, este gang, composto por cerca de 50 jovens intérpretes, ocupa a baixa e o mercado de Faro e ainda o Fórum e a Universidade do Algarve com pequenas performances coreográficas.

O MOCHILA integra também diversas atividades, como oficinas coordenadas por NOISERV e o Lugar Específico; a conversa Que bagagem levamos às costas para encarar o futuro?, com mediadores culturais, professores e estudantes; e a exibição do filme The Kid / O Garoto de Charlot, de Charles Chaplin.

Destinado a crianças e jovens de todas as idades, o Festival MOCHILA integra projetos de companhias e artistas com um percurso nacional já consolidado, mas aposta também em companhias emergentes e em projetos sedimentados na região do Algarve, numa lógica de descentralização. Em 2022, tem como eixo orientador temáticas urgentes da atualidade, como a ecologia, a velhice, a solidão, o consumo consciente, o direito à habitação e o tempo.

> Consulte aqui mais informações sobre o Festival e toda a programação
> Clique aqui para download de imagens de divulgação